Franquias – Conceito e modelos de franchising

O conceito de franquias já é amplamente difundido em todo o mundo e cada vez mais atrai a atenção de empreendedores e investidores dos mais diversos portes.

No Brasil o setor de franquias é um dos que mais cresce no varejo. Cada vez mais marcas adotam este modelo como forma de expansão de seus negócios.

Por outro lado, este crescimento também provoca o aparecimento de uma série de novas oportunidades para os empreendedores que veem no modelo de franchising o melhor caminho para iniciarem um negócio.

Por isso, entender o conceito de franquias e seu funcionamento é importante para quem pretende investir neste mercado

O conceito de franquia

Se pegarmos a definição clássica de franquia que consta na Wikipédia, já teremos uma ótima referência para entender como funcionam as franquias. Segundo o site, a definição de franquia é:

“Modelo de negócio que tem como propósito a criação de um sistema de venda de licença na qual o franqueador, o detentor dos direitos sobre a marca, cede ao franqueado, o autorizado a explorar a marca, o direito de uso da sua marca, patente, infraestrutura, know how e o direito de distribuição exclusiva ou semi exclusiva de produtos ou serviços.” – Wikipédia

Trocando em miúdos, o sistema de franquia é um modelo de negócio onde uma empresa já estabelecida transfere seu know how e concede o direito de uso da marca, mediante ao pagamento de um determinado valor.

Panorama do setor de franquias no Brasil

O franchising brasileiro já percorreu um longo caminho, mas um marco nesta trajetória foi a edição da Lei no 8.955, que passou a ser conhecida como Lei das Franquias. Editada em 1994, essa lei regulamentou a atividade no Brasil e deu um novo impulso ao setor.

O crescimento do setor de franquias nos últimos tempos tem sido impressionante, e mesmo em um ano de crise econômica como este, os números do franchising no Brasil em 2016 são bastante animadores.

Um grande número de empresas vem buscando no modelo de franquia como forma de expansão dos negócios, e isso vem impulsionando o mercado, trazendo novas oportunidades e opções de negócios.

Os tipos de franquias

No momento atual do mercado temos basicamente três tipos de franquias e é importante que o empreendedor entenda claramente a estrutura de cada um, até mesmo para saber se a franquia que pretende abrir se enquadra em seu perfil. Os três tipos de franquias são:

  • Franchising de Distribuição – Esse é o modelo mais conhecido do público. Nele o franqueado comercializa um produto que é fabricado pelo franqueador, sob a marca do qual é titular, beneficiando-se com a assistência técnica e comercial oferecida pelo franqueador.
  • Franchising de Serviços – Essa já é uma evolução do primeiro modelo. Nelo o franqueado presta um serviço, através de uma marca ou nome comercial licenciados pelo franqueador, com base nos processos e diretrizes definidas pelo franqueador e em alguns casos utilizando produtos oferecidos por ele.
  • Franchising de Indústria – Este é um modelo bem mais recente e nele o franqueado fabrica, em suas próprias instalações, o produto que será comercializado ou distribuido, sob uma marca ou nome comercial, segundo as diretrizes determinada pelo franqueador.

Cada um desses tipos de franquia possui características próprias que exigirão competências específicas.

As franquias também se diferenciam em termos de modelos. Você encontrará franquias de loja de rua, franquias em shoppings, quiosques, e até mesmo franquias home based, aquelas que você pode montar em sua própria casa.

Uma das tendências do franchising em 2017 é justamente oferecer um leque cada vez maior de opções de modelos, de forma a atender a empreendedores com os mais diferentes perfis e orçamentos.

Conceito de Franchising

As vantagens do modelo de franquia

Uma das razões para o sucesso do sistema de franchising é que ele oferece inúmeras vantagens para os novos empreendedores e também para aqueles que já possuem alguma experiência em negócio.

Uma das principais vantagens de uma franquia está na transferência de know how do franqueador. Isso poupa muito tempo e dinheiro, já que reduz a curva de aprendizado dos novos empreendedores.

É justamente por isso que ao escolher uma franquia, o empreendedor deve se informar sobre que tipo de know how lhe será transferido e de que forma isso se dará. Além disso é importante também selecionar franquias que já possuam um bom tempo de existência.

Começar um negócio do zero, desenvolvendo a marca, processos e criando uma referência no mercado, é um trabalho exaustivo, demorado e custoso. Por isso, muitos empreendedores optam pelo modelo de franquia para pular algumas dessas etapas.

Cuidados na escolha de uma franquia

As franquias são sem dúvida alguma uma ótima opção de negócio, mas é preciso deixar claro que nem todas possuem o mesmo potencial. Um dos principais erros na escolha de uma franquia é justamente não saber separar o joio do trigo.

Muito embora a uma primeira vista as franquias possam parecer iguais, é necessário fazer uma análise econômico financeira da franquia, para saber se o investimento realmente vale a pena.

A Lei das Franquias determina que na Circular de Oferta de Franquias sejam informados todos os dados referentes ao negócio, como os números dos últimos balanços, informações societárias, relação de franqueados e outras, mas é preciso fazer uma análise crítica destes dados.

Sabemos que esse é um processo cansativo e demorado, mas é fundamental para que você conheça exatamente em que tipo de negócio está entrando. É claro que o franqueador dirá que está lhe oferecendo o melhor negócio do mundo, mas é você quem deve decidir isso.

De posse doas informações iniciais sobre a franquia é importante pesquisar em sites especializados, como o da Associação Brasileira de Franchising e do próprio Guia de Franquias Brasil, para checar essas informações e saber um pouco mais sobre o negócio, com uma fonte isenta e imparcial.

Visite a nossa seção de Franquias Para Iniciantes e você encontrará diversos artigos sobre como analisar e escolher uma franquia de sucesso.

Conhecer o conceito de franquias, seus modelos e funcionamento é o primeiro passo para quem deseja investir neste setor. Mantenha-se atualizado sobre o mercado de franquias no Brasil, assinando a nossa Newsletter.

Franquias – Conceito e modelos de franchising
Classificação 5 (100%) 5 votos